Repercussao da Assembleia da Pastoral Familiar do Regional Sul-1

No dia 16/fev, foi realizado no Teatro Paulo Apóstolo, Central Paulinas, na Vila Mariana em São Paulo, a 2ª Assembleia da Pastoral Familiar do Regional Sul-1.

Com uma participação expressiva, o encontro analisou e discutiu a pesquisa sobre a própria pastoral realizada nas dioceses do Regional.

O encontro teve a participação de dom Odilo Scherer, cardeal arcebispo de São Paulo, que presidiu a missa de abertura; de dom Emílio Pignoli, bispo referencial da Pastoral Familiar do Regional Sul-1 e emérito da Diocese de Campo Limpo; além de padres e coordenadores das dioceses e sub-regiões.

Veja a repercussão no jornal O São Paulo, da Arquidiocese de São Paulo.

\"Recorte

Baixe os arquivos da Assembleia neste link.

[Download id not defined]

2 pensamentos sobre “Repercussao da Assembleia da Pastoral Familiar do Regional Sul-1

  • 25 de fevereiro de 2013 em 12:57
    Permalink

    Que essa repercussão ecoe nos corações dos casais componentes da pastoral familiar nas dioceses e nas paroquias para que fortaleçam e busquem ser multiplicadores e estudos aprofundados do documento 79, concomitantemente com os do vaticano II, para dar força e unidade na Igreja de Cristo que vê na familia a escola da fé e a formadora dos valores humanos e cristãos, que as vezes suprimem o Humano e buscam apenas os cristãos, sem essa simbiose em primeiro lugar o Humano que criado por Deus e desobediente tornando o homem velho, deve pelos esforços na educação integral e imbuidos e mergulhados em aguas mais profundas nos ensinamentos da Igreja conciliar, especialmente no Vaticano II, e os que derivam deles,Aparecida que convergem para as dioceses que pelos seus planos de pastoral, haja uma unidade convergente onde nós leigos e leigas na familia, edificamos na rocha que é Cristo para levarmos para as comunidades das comunidades a PAROQUIA,(Sto Domingos (142) na linha pastoral a Igreja de Cristo que brota dos corações rasgados para que jorrando àgua e sangue da Cruz possamos superar as crises e a fome de Deus que o mundo tanto aspira e deseja.Que nos esforcemos para sermos discipulos e missionarios, onde não jaja confrontações e carreirismo apenas entrega total para servirmos com ALEGRIA, trazendo a Paz e a harmonia que Cristo tanto deseja.Que Deus nos abençõe e nos guarde,hoje e sempre.Amem!

    Responder
  • 25 de fevereiro de 2013 em 14:05
    Permalink

    Assim como nosso irmão Benedito afirma em sua mensagem, que a repercussão ecoe no coração de todos os agentes compromissados com a família. E que assim possamos dar mais uns passos para frente. Abraços Angela e Guenka.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *