Caminhada da família reúne 11 mil em Bauru

Caminhada da família reúne 11 mil em Bauru

11846695_10203520104242099_6009393463262553605_n

Fonte: Zenit e site da CNPF

Com uma arrecadação de duas toneladas de feijão e arroz através da troca das camisetas que foram doadas, foi realizada pela Pastoral Familiar da Diocese de Bauru a caminhada da Família 2015, no domingo, 16/ago.

11 mil pessoas saíram em marcha pela avenida Getúlio Vargas, na defesa dos valores cristão da família. Participaram com o povo o bispo Dom Caetano Ferrari, o assessor da Pastoral Familiar, Padre Marcos Pavan, e também mais 15 padres, 10 seminaristas e 2 diáconos permanentes.

No total, a Caminhada da Família percorreu 2 km com a duração de 1h. “A animação ficou a cargo da Comunidade Famílias Novas, louvando e orando a Deus pelas graças recebidas”, afirma a Pastoral Familiar.

Todos os alimentos arrecadados serão distribuídos para as entidades que são assistidas pela diocese e paroquias. A responsável pela distribuição será a Pastoral Social da diocese.

No encerramento houve missa no Santuário Nossa Senhora de Fátima, presidida pelo bispo dom Caetano Ferrari e concelebrada pelos padres das 26 paróquias do município, com bênção especial para as famílias.

 

Equipe da coordenação de Bauru:

Equipe Pastoral Familiar – Diocese de Bauru

“Por Cristo, pela Igreja e pelas Famílias”

Padre Marcos Pavan – Diretor Espiritual
Vella e Sandra – Fone: 3239-8410/ 99771-6253
Lessa e Mª Helena – Fone: 3224-1221/ 99787-7991
Ademir e Ana – Fone: 3238-6624/ 99779-5049
Albino e Elza – Fone: 3234-5973/ 99756-1329
Beto e Rô – Fone: 3879-5548/ 99791-2242
Luiz e Cristina – Fone: 3016-3522 / 99870-7291
Carlos e Lúcia – Fone: 3243-0312 / 99809-1848
Renato e Renata – Fone: 3206-1644 / 99866-8079

 

Acesse e vote \”SIM\”

\"Votação\"

É só uma enquete? Sim. Mas tenha em mente que as enquetes também servem como termômetro para colher a opinião da maioria. A pergunta é:

\”Você concorda com a definição de família como núcleo formado a partir da união entre homem e mulher, prevista no projeto que cria o Estatuto da Família?\”

Claro que, sem discriminar quem não tem uma família formada por pai + mãe + filhos, o modelo de família ainda é esse. Ninguém deseja, no fundo de seu coração, ser família incompleta ou diferente do modelo. Existem realidades familiares que precisam ser acolhidas e trabalhadas pela sociedade, pelas escolas, pelos meios de comunicação etc., mas a existência das diversas realidades familiares não extingue ou acaba com a definição de família tal e qual existe há milênios.

Precisamos distinguir bem as coisas. Não é porque a definição de modelo de família como sendo pai + mãe + filhos está em um estatuto que as realidades familiares serão discriminadas ou deixarão de existir. É preciso ter referência e ela é o modelo. Acesse e vote no \”sim\”. Na imagem uma parcial de hoje, 29/04/2014, às 14h, onde o sim ganha, mas é preciso continuar votando \”SIM\”.

O link:
http://www2.camara.leg.br/agencia-app/votarEnquete/enquete/101CE64E-8EC3-436C-BB4A-457EBC94DF4E

Assembleia da Pastoral Familiar do Regional Sul-1 reune as 8 Sub-regioes do Estado

\"Dom

Acontecida no dia 08/mar/2014, no Auditório Paulo Apóstolo, na Central Paulinas, em São Paulo, a 3ª Assembleia da Pastoral Familiar do Regional Sul-1 reuniu coordenações das dioceses das oito Sub-regiões do Estado de São Paulo. 150 pessoas entre leigos e padres assessores atenderam à convocação para a participação no evento.

O objetivo desse encontro foi avaliar a caminhada feita pelas dioceses no último ano de 2013, com referência aos objetivos fixados na assembleia do ano passado. Houve muitos avanços, principalmente no Setor Pré-matrimonial, onde a preparação para o sacramento do Matrimônio foi o foco da ação das equipes por todo o Estado. A implantação e divulgação do Guia de preparação para a vida matrimonial é uma prioridade para que o sacramento seja recebido com mais consciência pelos jovens casais.

Estiveram presentes dom Emílio Pignoli, bispo referencial da pastoral no Regional Sul-1, pe. Claudio Delfino, assessor da Pastoral Familiar do Regional, irmã Ivonete Kurten, FSP, também assessora da Pastoral Familiar no Regional Sul-1, que se despediu dos agentes do Estado de São Paulo para trabalhar em Recife (PE). Ela apresentou ir. Ninfa Becker, também Paulina, que dispôs-se a participar acompanhando a Pastoral em nível Regional.

Fez-se presente o cardeal dom Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, que fez uma breve apresentação sobre os trabalhos para o Sínodo Extraordinário dos Bispos e a seguir presidiu a santa missa de encerramento do evento.

Os agentes assumiram o compromisso de dar continuidade aos trabalhos assumidos e trazerem os resultados para a assembleia de 2015.

 

Exéquias de dom Joaquim Justino Carreira

O casal secretário da Pastoral Familiar da Sub-região SP-2, Arlete e Nelson, que são da Diocese de Guarulhos, nos enviaram a programação da celebração das Exéquias de dom Joaquim Justino Carreira.

Abaixo a mensagem e a programação:

Boa tarde Amigos!

Segue abaixo, mais informações retiradas do site da Diocese de Guarulhos, referente as

 

CELEBRAÇÕES de EXÉQUIAS – DOM JOAQUIM JUSTINO CARREIRA,

LOCAL: CATEDRAL NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO
Praça Tereza Cristina, 01 – Centro – Guarulhos – SP
e-mail: acatedral2009@yahoo.com.br

02 DE SETEMBRO – segunda-feira

14h – previsão de chegada do corpo
15h – Missa
17h – Missa no rito maronita, presidida por S. Exa. Revma. D. Edgard Madi, Eparca Maronita do Brasil – homenagem dos católicos de rito oriental
19h – Ofício dos Salmos
19h30 – Missa
21h – Missa
23h – Missa
Vigílias

03 DE SETEMBRO – terça-feira
6h – Missa
7h30 – Oração dos Salmos (Laudes)
8h – Missa
9h30 – Missa
11h – Missa
12h – Ângelus e Missa
15h – Missa, presidida por S. Ema. Revma. D. Odilo Pedro Scherer, Cardeal Arcebispo de São Paulo
17h – sepultamento na Catedral de Guarulhos

 
O descanso eterno, dai-lhe, Senhor, e a luz perpétua o ilumine. Descanse em paz!

Faleceu dom Joaquim Justino Carreira

\"Dom

É com pesar que recebemos a informação do falecimento de dom Joaquim Justino Carreira, bispo diocesano de Guarulhos (SP), na noite de 01/set/2013 para 02/set/2013.

Dom Joaquim vinha lutando contra um câncer desde o final de 2012, tendo sido submetido a cirurgias e a diversos procedimentos para o tratamento da doença.

O bispo era membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família, foi bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo – Região Episcopal Santana, e, quando monsenhor, foi assessor eclesiástico da Pastoral Familiar da Diocese de Jundiaí.

Grande defensor dos valores da família e motivador do trabalho Pastoral Familiar, dom Joaquim deixará certamente uma grande lacuna para todos nós com sua partida.

Que Deus o acolha na glória dos santos e mártires.

 

Biografia resumida de dom Joaquim Justino Carreira

24/jan/1950 – Nascimento, em Portugal, região da Leiria.

28/jan/1950 – Batismo, na Paróquia Santa Catarina da Serra.

Emigrou ao Brasil ainda pequeno, e sua família se fixa no estado de São Paulo.

26/jul/1964 – Crisma, na Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus, em Jundiaí (SP).

11/jun/1976 – Ordenação diaconal, na sua terra natal, Santa Catarina da Serra.

19/mar/1977 – Ordenação presbiterial celebrada por dom Gabriel Paulino Bueno Couto, na Catedral Nossa Senhora do Desterro, em Jundiaí.

06/ago/1990 – Nomeação como Monsenhor \”Capelão de Sua Santidade\”, pelo Bem-aventurado papa João Paulo II.

24/mar/2005 – Nomeção a bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, pelo Bem-aventurado papa João Paulo II.

21/ago/2005 – Ordenação episcopal, celebrada pelo cardeal dom Cláudio Hummes, consagrantes os bispos dom Osvaldo Giuntini e dom Gil Antônio Moreira no ginásio de esportes \”Dr. Nicolino De Lucca\”, em Jundiaí.

14/mar/2008 – Recebeu o título de cidadão paulistano outorgado pela Câmara Municipal de São Paulo.

25/jun/2011 – Ingressa na Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da CNBB.

23/nov/2011 – Nomeado bispo da Diocese de Guarulhos, pelo papa Bento 16.

NUFESP em Marilia

Recebemos informes da Ângela e do Guenka, casal coordenador do NUFESP do Regional Sul 1, sobre a formação que foi realizada em Marília.

Segue abaixo a mensagem e fotos:

Olá Ritinha, boa tarde!!! Esperamos que estejam bem e que a missão em Manaus tenha transcorrido da melhor forma possível.  Segue em anexo algumas fotos do módulo III em Marília.  Dos 60 agentes que iniciaram, neste último compareceram 45.

Foi tudo muito bom, nos recepcionaram com muito carinho e atenção como sempre.

Foi sobre Casos especiais. Sérgio e Adelice, Antonio Harabara e Eduardo e eu fomos os monitores.

Gratos e abraços saudosos.

Angela e Guenka

 

\"2 \"3 \"1\"4

 

Reunião da Pastoral aconteceu em São Paulo.

No sábado, 04/mai/2013, realizou-se na Central Paulinas, Vila Mariana, São Paulo, a reunião das coordenações da Pastoral Familiar do Regional Sul-1.

Nessa segunda reunião do ano, primeira após a Assembleia Regional Sul-1 da Pastoral Familiar, realizada em 16/fev/2013, houve a presença das coordenações das oito Sub-regiões (Aparecida, Botucatu, Campinas, RP-1, RP-2, Sorocaba, SP-1, SP-2), da coordenação da Pastoral no Regional, dos assessores ir. Ivonete Kurten, FSP, e pe. Claudio Delfino, e do bispo referencial, dom Emílio Pignoli. A reunião também contou com a presença de dom Sérgio de Deus Borges, bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, Região Episcopal Santana.

No primeiro assunto da pauta, cada Sub-região pôde interagir com ir. Ivonete, que apresentou o resultado da Assembleia de fevereiro. Cada coordenador apresentou os resultados das primeiras reuniões realizadas pelas dioceses e os alinhamentos das propostas deixadas na assembleia.

Os coordenadores apresentaram um panorama de algumas situações complicadas que acontecem em algumas dioceses do Regional como justificativa para a o planejamento que foi colocado para a coordenação do Regional.

Foi sugerido como apoio para a confecção do planejamento de cada Sub-região a leitura e o apoio do Capítulo 5 do Diretório da Pastoral Familiar, dos nºs 260 a 295.

Sobre as associações de leigos, a Sub-região Botucatu apresentou os encaminhamentos já avançados para a constituição de uma associação de famílias, que já era um projeto há 15 anos da arquidiocese. Os resultados e os passos serão enviados às demais Sub-regiões.

Sobre o Congresso da Pastoral Familiar do Regional, o pe. Zacarias, assessor da Sub-região SP-1, apresentou todos s encaminhamentos a respeito de evento. O casal Silvio e Ester posicionaram sobre a questão das fichas e das inscrições. O informativo e as fichas serão disponibilizados em breve através dos coordenadores das Sub-regiões. As inscrições serão feitas através das coordenações das sub-regiões. O site disponibilizará mais informações em breve.

Sobre a 5ª Peregrinação Nacional da Família, Célia passou as informações sobre os eventos – 3º Simpósio Nacional da Família, no sábado, 25/mai, na Canção Nova, e sobre a 5ª Peregrinação, no Santuário Nacional, no domingo, 26/mai – falou também sobre a hospedagem no Hotel Rainha do Brasil, que caso tenha 300 participantes fornecerá o translado hotel – Canção Nova – hotel. Foram distribuídos cartazes para as Sub-regiões para divulgação e informado que o mesmo pode ser descarregado para impressão doméstica através de nosso site.

Sobre a questão do administrativo-financeiro, o Antônio Mercado apresentou a questão das vendas do subsídio Hora da Família 2013 e sobre o incentivo à assinatura da revista Família e Vida. A Pastoral Familiar do Regional Sul-1 já adquiriu e repassou para as dioceses 20 mil exemplares da Hora da Família.

Pe. Claudio falou um pouco sobre a Assembleia Nacional da Pastoral Familiar, que aconteceu nos dias 26, 27 e 28/abr, em Brasília. O padre classificou como bom o evento , uma vez que o que há de positivo na caminhada nacional é muito maior e mais forte que os pontos negativos. A Célia informou que foi anunciado na assembleia que de 26 a 28/set/2014 será realizado o Congresso Nacional da Pastoral Familiar, no Maranhão. O evento já está todo estruturado e as fichas começarão a chegar aos Regionais em fevereiro/2014.

Foram passados os informes das Sub-regiões, como item da pauta. Falaram as coordenações de Aparecida, Botucatu, RP-2, SP-2, RP-1 e Sorocaba.

A Ângela passou o informe sobre o NUFESP e sobre o Encontro Nacional de Formadores, que acontecerá em junho. Foram feitos outros informes.

O encontro encerrou-se com uma oração onde foi feita uma homenagem às mães. A oração foi conduzida pela ir. Ivonete e a bênção foi feita por dom Emílio Pignoli.

Veja mais fotos:

Baixe o cartaz de divulgação da 5a Peregrinação Nacional da Família.

\"Cartaz

Baixe e imprima em sua impressora colorida o cartaz de divulgação da 5ª Peregrinação Nacional da Família, que será realizada no dia 26/mai/2013, em Aparecida, e do 3º Simpósio Nacional da Família que será realizado na Canção Nova no dia 25/mai/2013.

Cartaz em A3 – JPG

[Download id not defined]

Cartaz em A4 – JPG

[Download id not defined]

 

Repercussao da Assembleia da Pastoral Familiar do Regional Sul-1

No dia 16/fev, foi realizado no Teatro Paulo Apóstolo, Central Paulinas, na Vila Mariana em São Paulo, a 2ª Assembleia da Pastoral Familiar do Regional Sul-1.

Com uma participação expressiva, o encontro analisou e discutiu a pesquisa sobre a própria pastoral realizada nas dioceses do Regional.

O encontro teve a participação de dom Odilo Scherer, cardeal arcebispo de São Paulo, que presidiu a missa de abertura; de dom Emílio Pignoli, bispo referencial da Pastoral Familiar do Regional Sul-1 e emérito da Diocese de Campo Limpo; além de padres e coordenadores das dioceses e sub-regiões.

Veja a repercussão no jornal O São Paulo, da Arquidiocese de São Paulo.

\"Recorte

Baixe os arquivos da Assembleia neste link.

[Download id not defined]